A Fundação Schneider apoia no reforço de capacidades técnicas dos Formadores

Para mobilizar e melhorar a qualidade do ensino de curso de eletricidade e energia solar para jovens, a Fundação Schneider, uma organização com sede em frança, financiou o segundo ano de curso de Eletricidade e Energia Solar da Escola Vocacional de Bissorã

Em novembro de 2017, os formadores da Escola tiveram a oportunidade de reforçar as suas capacidades técnicas através duma formação realizada pelo voluntario de Schneider durame 10 dias tendo como apoio os materiais didáticos modernos e equipamentos de pratica altamente qualificados oferecidos por esta organização.

Em Fevereiro de 2018, Schneider vai enviar outro voluntario para treinar os formadores da escola de modo a dotar-lhes de conhecimento em matéria de empreendedorismo para possam suportar melhor o treinamento dos estudantes nesta matéria.

O curso existente sobre eletricidade básica e energia solar será completado por um nível avançado criado com o apoio da Schneider para atender melhor as necessidades nacionais em termos de força de trabalho qualificado no setor de eletricidade e energia solar.

 

    

Recrutamento de Professor de Sociologia

Termos de Referência para Recrutamento (Formador para professores de ensino básico)

Cargo

Formador de Sociologia

Local de Trabalho

Bachil

Data da Publicação

25-02-2018

Referência

DNS-Cacheu-01/2018

Prazo de submissão das candidaturas

09-02-2018

Projecto

ADPP – Escola de Formação de professores DNS

Habilitações

Licenciatura em Sociologia ou Ciências Sócias

Processo de recrutamento

  • Os/as interessados/as deverão entregar os seus curriculum vitae atualizado, Certificado de Habilitações e a carta de motivação, através do correio eletrónico: Djoncamara@gmail.com/laudenciocumbi@hotmail.com Indicando a referência acima no assunto do correio eletrónico deverá da vaga ou posto à qual se candidata;
  • Pode também entregar em envelope fechado na Sede de ADPP sito na Av. Dos combatentes da Liberdade da Pátria (Bairro Internacional) na pessoa de Malam Camara, ou na Própria escola DNS em Bachil;
  • As candidaturas que não se fizerem acompanhar das cópias dos documentos comprovativos de identificação, formação e experiência referidas serão automaticamente excluídas;
  • Data limite de entrega das candidaturas será no dia 09 de Fevereiro de 2018
  • Somente os candidatos pré-selecionados serão chamados à entrevista.

Regime

O apurado irá alojar-se no internato com alimentação e dormitórios assegurados pela escola de Formação de Professores.

Projecto:

O projecto foi criado como um projecto-piloto sugerido ao Ministério da Educação da Guiné-Bissau em 2011, para iniciar a Formação de professores do Ensino Primário em uma nova forma, o que era uma necessidade há muitos anos atrás e fortemente expressa. Em Outubro de 2011, iniciou-se a reabilitação dos edifícios em Bachil, com financiamento da Federação HUMANA People to People. Em Fevereiro de 2012, os primeiros 40 alunos iniciaram seu treinamento no programa de 3 anos. A 2a equipe de 40 aluno iniciou seu programa no DNS em agosto de 2013, o que foi possível através de uma parceria com a comissão da União Europeia na Guiné-Bissau. A terceira equipe começou em Junho de 2015 com 43 alunos e a 4a equipe em agosto de 2016 com 52 alunos, em Fevereiro do ano em curso ira começar mais uma equipa 2018 com 42 estudantes. A primeira equipe de DNS (a equipe de 2012) graduou em Janeiro de 2015 e a segunda equipe (a equipe de 2013) graduou em Julho de 2016. O projecto baseia-se nas experiências acumuladas pela Federação HUMANA People to People por muitos anos de prática em outros países, e baseia-se num Memorando de Entendimento assinado com o Governo da Guiné-Bissau em 2007.

Objectivo: Formar professores de qualidade para o ensino Básico nas zonas Rurais.

Funções: O Formador de Sociologia e ciências Sociais devera assumir as seguintes tarefas:

  • Coordenar as matérias ligadas a sociologia, no 1o a 3o ano de Formação;
  • Elaborar plano mensal, semanal e diário das Metodologias e didáctica ligado a disciplina de sociologia;
  • Planear e leccionar metodologias e didácticas de Geografia e História quando o período do currículo necessitar;
  • Acompanhar os estudantes na sua prática pedagógica nas escolas primárias vizinhas para apreciação das aulas com os metodólogos no 1o ano;
  • Acompanhar os estudantes na prática integral de 6 meses nas comunidades que forem colocados;
  • Elaborar provas trimestrais e anuais das suas cadeias a que lecciona;
  • Planear acções comunitárias junto dos seus estudantes e acompanhar a realização das tais acções;
  • Participar em todos seminários ligados a sua área de formação e fazer uma reciclagem aos colegas sobre a aprendizagem;
  • Participar nas secções pedagógicas de Sábado marcado pela Escola de Formação de professores na sua Instituição junto dos professores metodólogos das escolas primárias vizinhas;
  • Participar nas reuniões de conselho de professores e dar a suas contribuições;
  • Fazer relatório mensal das actividades pedagógicas realizadas por ele junto dos estudantes;
  • Viajar junto dos estudantes durante o seu período de viagem de estudo Nacional;
  • Viajar junto dos estudantes durante o seu período de viagem de estudo Internacional nos
    países da sub-região;

Perfil do Candidato/a:

A) Grau Académico

  • Licenciatura em Sociologia ou Ciências Sociais

B) Experiencia Profissional

  • Experiencia Profissional no mínimo de 2 anos
  • Experiencia no domínio de metodologias de ensino

C) Competências profissionais:

  • Grande capacidade de organização, planificação e de cumprimento de programa

D) Competências pessoais:

  • Espírito de equipa, de iniciativa e entreajuda
  • Resistência à frustração
  • Capacidade de improviso
  • Responsabilidade
  • Autonomia

E) Outros:

  • Domínio do Português escrito e falado
  • Domínio dos programas informáticos Word, Excel, Power Point
  • Conhecimento do Francês e Inglês é uma vantagem.

 

Nota: Encoraja-se vivamente as candidaturas Femininas.

Recrutamento de Professor de Biologia

Termos de Referência para Recrutamento (Formador para professores de ensino básico)

Cargo

Formador de Biologia

Local de Trabalho

Bachil

Data da Publicação

26-01-2018

Referência

DNS-Cacheu-02/2018

Prazo de submissão das candidaturas

09-02-2018

Projecto

ADPP – Escola de Formação de Professores DNS

Habilitações

Licenciatura em Biologia ou ciências Bioquímica

Processo de recrutamento

  • Os/as interessados/as deverão entregar os seus curriculum vitae atualizado, Certificado de Habilitações e a carta de motivação, através do correio electrónico: Djoncamara@gmail.com/laudenciocumbi@hotmail.com. Indicando a referência acima no assunto do correio eletrónico da vaga ou posto à qual se candidata;
  • Pode também entregar em envelope fechado na Sede de ADPP-GB sito na Av. Dos combatentes da Liberdade da Pátria (Bairro Internacional) na pessoa de Malam Camara, ou na Própria escola DNS em Bachil;
  • As candidaturas que não se fizerem acompanhar das cópias dos documentos comprovativos de identificação, formação e experiência referidas serão automaticamente excluídas;
  • Data limite de entrega das candidaturas será no dia 09 de Fevereiro de 2018;
  • Somente os candidatos pré-selecionados serão chamados à entrevista.

Regime

O apurado irá alojar-se no internato com alimentação e dormitórios assegurados pela escola de Formação de Professores (DNS).

 

Projecto:
O projecto foi criado como um projecto-piloto sugerido ao Ministério da Educação da Guiné-Bissau em 2011, para iniciar a Formação de professores do Ensino Primário em uma nova forma, o que era uma necessidade há muitos anos atrás e fortemente expressa. Em Outubro de 2011, iniciou-se a reabilitação dos edifícios em Bachil, com financiamento da Federação HUMANA People to People. Em Fevereiro de 2012, os primeiros 40 alunos iniciaram seu treinamento no programa de 3 anos. A 2a equipe de 40 aluno iniciou seu programa no DNS em agosto de 2013, o que foi possível através de uma parceria com a comissão da União Europeia na Guiné-Bissau. A terceira equipe começou em Junho de 2015 com 43 alunos e a 4a equipe em agosto de 2016 com 52 alunos, em Fevereiro do ano em curso ira começar mais uma equipa 2018 com 42 estudantes. A primeira equipe de DNS (a equipe de 2012) graduou em Janeiro de 2015 e a segunda equipa (a equipa de 2013) graduou em Julho de 2016. O projeto baseia-se nas experiências acumuladas pela Federação HUMANA People to People por muitos anos de prática em outros países, e baseia-se num Memorando de Entendimento assinado com o Governo da Guiné-Bissau em 2007.

Objetivo: Formar professores de qualidade para o ensino Básico nas zonas Rurais.

Funções: O Formador de Biologia e Física, Química devera assumir as seguintes tarefas:

  • Coordenar as matérias ligadas a Biologia (Ciências Naturais) no 1o a 3o ano de Formação;
  • Elaborar plano mensal, semanal e diário das Metodologias e didática ligado a disciplina de
    Biologia (Ciências Naturais);
  • Planear e lecionar metodologias e didáticas de Química e Física quando o período no
    currículo necessitar;
  • Acompanhar os estudantes na sua prática pedagógica nas escolas primárias vizinhas para
    apreciação das aulas com os metodólogos no 1o ano;
  • Acompanhar os estudantes na prática integral de 6 meses nas comunidades que forem
    colocados;
  • Elaborar provas trimestrais e anuais das suas cadeias a que leciona;
  • Planear ações comunitárias junto dos seus estudantes e acompanhar a realização das tais ações;
  • Participar em todos seminários ligados a sua área de formação e fazer uma reciclagem aos colegas sobre a aprendizagem;Participar nas secções pedagógicas de Sábado marcado pela Escola de Formação de professores na sua Instituição junto dos professores metodólogos das escolas primárias vizinhas;
  • Participar nas reuniões de conselho de professores e dar a suas contribuições;
  • Fazer relatório mensal das actividades pedagógicas realizadas por ele junto dos estudantes;
  • Viajar junto dos estudantes durante o seu período de viagem de estudo Nacional;
  • Viajar junto dos estudantes durante o seu período de viagem de estudo Internacional nos
    países da sub-região;

 

Perfil do Candidato/a:

A) Grau Académico

  • Licenciatura em Biologia ou ciências (Química, Física, Biologia)

B) Experiencia Profissional

  • Experiencia Profissional no mínimo de 2 anos
  • Experiencia no domínio de metodologias de ensino

C) Competências profissionais:

  • Capacidade de organização, planificação e de cumprimento de programa

D) Competências pessoais:

  • Espírito de equipa, de iniciativa e entreajuda
  • Resistência à frustração
  • Capacidade de improviso
  • Responsabilidade
  • Autonomia

E) Outros:

  • Domínio do Português escrito e falado
  • Domínio dos programas informáticos Word, Excel, Power Point
  • Conhecimento de Francês e Inglês é uma vantagem.

Nota: Encoraja-se vivamente as candidaturas Femininas.

Recrutamento de consultor para estudo KAP

Estudo KAP de profissionais de saúde da Guiné-Bissau sobre a preparação e resposta ao vírus Zika (ZIKV): Um estudo de profissionais de saúde nas regiões de Gabú e Tombali.

O objetivo principal do estudo KAP é o de avaliar as capacidades de preparação e de resposta dos Recursos Humanos de Saúde (RHS) na Guiné-Bissau em situação de surto do vírus Zika. O estudo também será usado para medir o impacto da campanha de preparação e resposta ao virus da Zika, que será realizada entre janeiro e março de 2018.

Termos de Referência

A ADPP Guiné-Bissau procura um consultor nacional para realização de um estudo KAP de profissionais de saúde, sobre a capacidade de preparação e resposta para potenciais crises do vírus ZIKA. O estudo será realizado em duas fases: em janeiro de 2018- no início da Campanha de Preparação e Resposta do Vírus Zika, e em Março de 2018 na fase final da campanha.

Os seguintes termos de referência orientarão o futuro contrato:

a. O contrato é de 45 dias de trabalho, entre 1 de janeiro de 2018 e 31 de maio de 2018;
b. O consultor será apoiado por quatro pesquisadores auxiliares (dois do INASA, um da ADPP GB e um da OMS);
c. O consultor utilizará o seu próprio equipamento de IT;
d. A ADPP GB apoiará na impressão de documentos e outros serviços administrativos;
e. O transporte para o trabalho de campo será fornecido pela ADPP GB;
f. O consultor tem direito a um Per diem diário padrão durante o trabalho de campo;
g. A ADPP fornecerá um espaço de trabalho compartilhado e internet.

 

Qualificações e Experiência

  • Mestrado em Ciências Sociais, Medicina ou Saúde Pública;
  • Mais de 7 anos de experiência profissional;
  • Experiência comprovada em pesquisa qualitativa e quantitativa, especialmente na realização de
  • estudos KAP na Guiné-Bissau ou na região;
  • Excelentes competências de apresentação e de escrita em português e em inglês;
  • Conhecimento da realidade da Guiné-Bissau;
  •  Fluência em português, inglês e línguas locais

 

Principais produtos

  • Relatório inicial;
  • Revisão de literatura e documento metodológico;
  • Relatório preliminar dos resultados do estudo em fase de pré-intervenção;
  • Relatório preliminar dos resultados do estudo em fase de pós-intervenção;
  • Apresentação do relatório draft final com resultados, análises e recomendações em português e
  • inglês;
  • Apresentação de resultados junto do grupo de validação – Relatório de Validação.

 

Principais actividadesData prevista de entregaProdutos a entregarPagamento
Planeamento e definição do âmbito06/01/2018Relatório inicial, Revisão compartilhada e aprovada pela equipa do projeto (EP)
Revisão e metodologia13/01/2018Revisão de Literatura e Documento de metodologia apresentado à EP25% de honorários de consultoria
Ferramentas de estudo KAP20/01/2018Questionário de estudo KAP aprovado pela EP
Realização do Estudo KAP – Período de Pré-intervenção22 – 26 Jan (Gabú)
29 – 2 Feb (Tombali)
Apresentação do relatório de trabalho de campo à EPPer diem
Relatório de Análise16 Feb 2018Apresentação de resultados à EP25% de honorários de consultoria
Estudo em período Pós-intervenção19 -23/03 (Gabú)
26 – 30/03 (Tombali)
Apresentação do relatório de trabalho de campo à EPPer diem
Apresentação dos resultados do estudo10/04/2018Resultados do relatório draft apresentados à EP25% de honorários de consultoria
Compilação do último relatório draft com resultados, análises e recomendações27/04/2017Relatório final apresentado à equipa de projeto
Maio 2018 (d.t.a)Apresentação do relatório final ao grupo de validaçãoUm estudo KAP finalizado em português e inglês25% de honorários de consultoria

 

Entrega das Propostas

Data limite para recepção das propostas: 03 de Janeiro 2018 às 16 horas.

As propostas completas (técnica e financeira) devem ser apresentadas indicando a referência ADPP/ESTUDO-KAP/2017 em envelope fechado entregue no escritório da ADPP Guiné-Bissau, Bairro Internacional (Av. dos Combatentes Liberdade da Pátria-Casa INSS) S/N CP: 420, Bissau, Guiné-Bissau ou para os seguintes endereços eletrônicos: neriano.adpp@gmail.com; arunacamara63@yahoo.com.br

Os TDRs podem ser levantados no escritório da ADPP acima referenciado, Bissau das 8h30 às 16h00.

Para mais informação adicional, favor contactar por Telefone: +245 96 695 5000/ +245 95 565 0783

Recrutamento de Coordenador de Projeto

 

INFORMAÇÃO GERAL                                                                       

Projeto: Bu Terra Ibu Lugar Seguro – Prevenção e Integração de Migrantes Retornados Guineenses

Local: Cidade de Bissau com deslocações regulares a Bafatá e Gabú

Duração: 12 meses

Contrato: Local/nacional

 

ORGANIZAÇÃO PROMOTORA                                                        

A ADPP GB – Ajuda ao Desenvolvimento de Povo para Povo Guiné-Bissau – é uma Organização Não Governamental guineense constituída em 1981 e registada legalmente em 1992, que tem como missão a promoção do desenvolvimento económico, social e cultural das comunidades através da mobilização de recursos, parcerias e pessoas para sua participação ativa na implementação de projetos em áreas chave de desenvolvimento.

No âmbito da sua missão, a ADPP Guiné-Bissau tem implementado junto de diferentes grupos alvo, vários Programas de Desenvolvimento nomeadamente: Formação Inicial de Professores de   Ensino Primário, Formação Vocacional de jovens quadros profissionais; acompanhamento de jovens na definição do seu projeto de vida profissional e inserção na vida ativa; agricultura e segurança alimentar, prevenção e tratamento de doenças e epidemias e prevenção da mortalidade infantil.

No âmbito deste trabalho, a ADPP GB encontra-se à procura de um coordenador de projeto que seja responsável pela coordenação e gestão da Ação apresentada de seguida.

 

O PROJETO                                                                                              

O Projeto “Bu Terra Ibu Lugar Seguro – Prevenção e Integração de Migrantes Retornados Guineenses” é um projeto integrado no Programa FMM Africa Ocidental, financiado conjuntamente pela Comissão da CEDEAO e pela União Europeia, e implementado por um Consórcio de Parceiros, nomeadamente a Organização Internacional para as Migrações (OIM), o Centro Internacional para o Desenvolvimento de Políticas de Migração (ICMPD) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT).

O projeto é da responsabilidade executora da ADPP Guiné-Bissau e dos seus parceiros   de implementação, a Direção Geral das Comunidades e a Associação de Migrantes Amigos da Guiné-Bissau, e propõe um conjunto de atividades que visarão apoiar o processo de reintegração social e económica de jovens migrantes retornados Bissau Guineenses. O projeto propõe, ainda, o reforço da capacitação e disseminação de informação sobre os riscos da migração irregular e sobre a livre circulação de pessoas junto da população da Guiné-Bissau e das autoridades que tutelam a área das migrações em Bissau, Bafatá e Gabú.

As principais linhas estratégicas do projeto são:

I) Definição do perfil dos migrantes alvo e identificação de oportunidades de formação profissional e geração de rendimentos nas regiões abrangentes;

II) Formação profissional;

III) Implementação e acompanhamento de projetos de vida e reinserção na vida activa;

IV) Ações de prevenção da migração irregular;

V) Capacitação de autoridades locais na área das migrações e livre circulação de pessoas.

 

RESPONSABILIDADES DA FUNÇÃO                                          

As principais funções do/a coordenador/a são:

 Coordenação, planificação e implementação técnica e orçamental das atividades do projeto;~

 Liderança e orientação estratégica da equipa de projeto;

 Co-criação de ferramentas adequadas ao registo, monitoria técnica e concertação financeira do projeto;

 Recolha de informações/dados e organização de documentação sobre a execução técnica e financeira da intervenção;

 Redação de relatórios de seguimento periódicos, a serem entregues à equipa de monitoria e avaliação;

 Boa gestão de parcerias do projeto e representação do mesmo junto dos financiadores e parceiros de implementação;

 Supervisão e acompanhamento do cumprimento de protocolos, acordos, contratos e prestações de serviços estabelecidos no âmbito do projeto;

 Promoção da adequada visibilidade do projeto, dos parceiros e financiadores.

 

PERFIL DO/A CANDIDATO/A_                                                        

 Formação académica nas áreas das Ciências Sociais, Migrações ou outras áreas relevantes;

 Experiência profissional de pelo menos   4 anos em gestão de projetos, preferencialmente projetos relacionados com migrações, integração socioeconómica e/ou acompanhamento de   jovens na definição e implementação de projetos de vida;

 Experiência de trabalho e/ou conhecimento das zonas rurais de Bissau, Gabú e Bafatá

 Excelente capacidade de comunicação escrita e falada em português e crioulo;

 Fluência em inglês e/ou francês;

 Elevada capacidade de autonomia no trabalho e gestão de equipas;

 Capacidade de trabalhar sobre pressão e flexibilidade de horários;

 Compromisso com os valores do Desenvolvimento Sustentável.

 

PROCESSO DE SELECÇÃO                                                                      

Os/as candidatos/as interesados/as deverão enviar o seu CV atualizado e carta de motivação até dia 24 de Dezembro por correio eletrónico para os endereços: asger.nyrup@adpp-gb.org e paulaleite@adpp- gb.org,  com a referência ADPP-FMM-001/2017. Somente as candidaturas pré-selecionadas serão contatadas para uma entrevista.

 

Recrutamento de Técnico de Comunicação e Visibilidade

Termos De Referência

Contratação de Técnico de Comunicação no Gabinete de Parceria

A ADPP Guiné-Bissau convida à apresentação de candidaturas para a contratação de um/a T é c ni c o/ a de Comunicação e Visibilidade para sua sede em Bissau, que assegurará a visibilidade institucional da organização, s eus projetos e dos seus programas de desenvolvimento a nível nacional e internacional, bem como a fortificação das relações entre a ADPP Guiné-Bissau e seus parceiros atuais e potenciais.

O/A técnico/a de Comunicação será integrado no Departamento de Parceria e trabalhará diretamente com o staff responsável pelos projetos e programas da organização, sob a supervisão direta da direção executiva da organização.

Principais atividades

o Desenhar Planos de Visibilidade para os programas e projetos da organização e acompanhar a sua implementação;

o Desenvolver materiais de visibilidade institucionais (escritos e audiovisuais) e assegurar a sua correta utilização;

o Liderar a comunicação em termos de visibilidade com cada parceiro da organização;

o Planificar, elaborar e fazer seguimento da produção e divulgação de relatórios anuais da organização;

o Desenhar e produzir conteúdos escritos e audiovisuais para divulgação das atividades dos projetos através de canais de comunicação tradicionais (folhetos, revistas, notas de imprensa, spots radiofónicos), sítio da internet e redes sociais;

o Organizar e gerir eventos para promoção da ADPP Guiné-Bissau e dos seus projetos e programas;

o Produzir materiais de comunicação destinados ao estabelecimento e captação de recursos e novas parcerias;

o Realizar deslocações ao terreno para criação de conteúdos audiovisuais (entrevistas, fotografias, vídeos, etc.);

o Apoiar a equipa de Avaliação e Seguimento na apresentação de relatórios;

o Manter e atualizar periodicamente o banco de imagens e materiais produzidos da organização;

o Capacitação institucional para implementação de planos de visibilidade de projetos da ADPP GB.

Perfil do/a candidato/a

o Formação Superior em Comunicação Social, Jornalismo, Publicidade e Relações Públicas ou outra área de relevância;

o Proficiência na língua portuguesa e boa fluência a inglês. Conhecimento de crioulo será valorizado;

o Domínio de programas software e publisher: In Design, WordPress, Adobe Premiere e Office;

o Conhecimentos de composição fotográfica;

o Habilidades de comunicação com públicos diversos;

o Valorar-se-á candidatos/as com conhecimento da realidade guineense;

o Experiência prévia na área da cooperação e desenvolvimento e com organizações não governamentais será, também, valorizado.

Condições de contratação

o Período experimental inicial de 4 meses;

o Contrato a termo incerto após avaliação positiva de período experimental.

 

Recepção de candidaturas

Enviar Currículo Vitae, carta de motivação e referências de anteriores empregadores para os seguintes emails:

adpp@adppgb.org;

asger.nyrup@adppgb.org

Ou entrega de envelope fechado na seguinte morada:

Bairro Internacional, Rua 4, Av. Combatentes da Liberdade da Pátria, Bissau;

Data limite de recepção: 24/12/2017

Inaugurado Centro Cultural de Bairro no Quelelé

Foi inaugurado no dia 29 de Novembro o Centro Cultural António Aníbal do Quelelé, no âmbito do Projeto “Promoção da Economia Criativa”, financiado pela União Europeia e implementado pela ADPP Guiné-Bissau, a Associação Ussoforal e o Grupo Cultural Netos do Bandim.

Na inauguração participaram representantes do Ministério da Cultura e Desporto (através da Direção Geral da Cultura), da Delegação da União Europeia, da Associação de Moradores do Quelelé e da Ação para o Desenvolvimento. Estiveram ainda presentes outras organizações parceiras do projeto e organizações da sociedade civil que atuam no setor cultural assim como vários beneficiários finais, entre os quais os Encarregados de Educação dos alunos dos Cursos Artísticos que estão a ser dinamizados no âmbito do projeto neste Centro Cultural.

Os convidados assistiram a atuações e exposições que deram a conhecer o trabalho desenvolvido nos vários Cursos de Artes Performativas e Artes Visuais ministrados neste Centro Cultural, desgustaram pratos tradicionais confeccionados pelos alunos dos Cursos de Cozinha Tradicional e visitaram os diferentes espaços do Centro Cultural António Aníbal do Quelelé.

Este é o primeiro dos Centros Culturais de Bairro que funcionarão como polos dinamizadores de cultura em diferentes bairros de Bissau de modo a proteger e promover a cultura guineense e potenciar a mesma enquanto vetor de paz e desenvolvimento.

 

    

      

 

Cerimónia da Entrega Oficial de uma nova Infraestrutura escolar

Teve lugar esta manhã, dia 21 de Novembro de 2017, na Escola de Ensino Básico Congresso de Cassacá em Missirã, Bissau, a cerimónia da entrega oficial de um novo pavilhão construído com sete (7) salas de aulas devidamente equipadas. A obra em causa resulta de uma parceria assinada no passado dia 27 de Janeiro de 2016 entre ADPP Guiné-Bissau e a Embaixada do Japão em Dakar, que disponibilizou um fundo no valor de 47.836.398,50 FCFA para a concretização da presente obra. Na cerimónia da entrega oficial participaram as seguintes personalidades:

  • Sua Excelência Senhora, Iracema do Rosário – Secretário de Estado do Ensino Básico, Secundário e profissionalizante;
  • Sua Excelência Senhora Keiko EGUSA – Encarregada do Negócio junto da Embaixada do Japão na Guiné-Bissau;
  • Senhor Asger Pedersen Nyrup – Diretor Nacional da ADPP Guiné-Bissau
  • Senhor Armando Correia Landim – Presidente de Associação dos Pais e Encarregado de Educação.

Estiveram, ainda, presentes na cerimónia, dezenas de estudantes, professores e pais e encarregados de educação.

A ADPP GB congratula-se a si e aos seus parceiros pelo sucesso deste projeto e pelos resultados alcançados.

    

  

Fortificação da Saúde e Prevenção de Epidemias

O projeto tem por objetivo fortalecer a capacidade das comunidades das regiões fronteiriças de Gabú e Bolama-Bijagós,  para fazer frente a doenças e epidemias comuns, aumentando assim suas habilidades de prevenção de problemas de saúde comunitária. O projeto da continuação ás ações levadas a cabo pela ADPP GB desde o ano 2015 nas áreas fronteiriças da Guiné-Bissau, para a prevenção da propagação do vírus do Ébola e outras epidemias.

Em Maio de 2016 a OMS declarou por terminado O Estado de Emergência de Saúde Pública de Interesse Internacional com um balanço de 28.616 casos suspeitos e 11.310 pessoas mortas. O balanço mostra assim que a pobreza e o sistema delicado de saúde, no caso presente, da Guiné-Bissau, com um Estado frágil, faz com que seja preciso ainda o reforço das comunidades mais vulneráveis de cara as epidemias recorrentes e relacionadas com a higiene mais comunes e de recente aparição como o vírus Zica.

Fortificação da Saúde e Prevenção de Epidemas baseasse na criação de um  Corpo de Saúde de Voluntários, integrado por 35 pessoas, encarregado da realização de campanhas e ações de sensibilização sobre saúde comunitária, nutrição saudável e epidemias comuns, bem como na identificação e mobilização de voluntários e comissões locais já treinados anteriormente pela ADPP Guiné-Bissau.

 

A ação é levada a cabo na região de Gabú e nas ilhas com maior população da região Bolama-Bijagos, atuando assim nas localizações onde o Corpo de Ebola da ADPP GB trabalhou em 2015 e onde ainda existe uma rede e uma base de mobilização para reforçar a defesa e consciência das comunidades. A ação será levada a cabo em estreita cooperação com o Ministério da Saúde, tanto a nível central como regional.

 

 

Com o  objetivo  de elevar a compreensão, a consciência e a prontidão das comunidades  para mudar  atitutudes em questões de saúde, desenvolver-se-ão atividades mensais:

  • Lições sobre conhecimentos básicos de higiene e nutrição nas escolas
  • Ajudar a escola a iniciar um pequeno jardim
  • Teatro no mercado e outras atividades culturais sobre questões de saúde
  • Distribuição de mosquiteiros tratados e instrução as pessoas a usá-los corretamente
  • Acão numa clínica local para limpar e tornar o ambiente mais amigável
  • Visitas de porta em porta com mapeamento das ações necessárias para ajudar às famílias a melhorar a saúde
  • Lições sobre um tópico específico para as pessoas na sala de espera na clínica/hospital
  • Lição sobre como prevenir doenças em um determinado ambiente de trabalho
  • Reunir estatísticas de saúde necessárias para às autoridades locais
  • Campanha de mobilização para a vacinação de crianças
  • Treinamentos com voluntários locais para aumentarem o nível de compreensão, capacidade e engajamento
  • Reuniões com as autoridades locais de saúde para compartilhar problemas e encontrar soluções para o sistema de saúde local

Assinatura do Memorando com a Secretaria de Estado das Comunidades

A Associação de Ajuda de Desenvolvimento de Povo para Povo Guiné-Bissau (ADPP/GB), assinou na manhã do dia 31 de Outubro de 2017, na sala de reunião do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Cooperação Internacional e das Comunidades, um MEMORANO DE ENTENDIMENTO, com a Secretaria de Estado das Comunidades (SEC). Neste ato, testemunhado pelos altos funcionários deste ministério, assim como da parte da ADPP GB, foi presidido pelo Sua Excelência Embaixador Dr. Dino Seidi, na qualidade de Secretário de Estado das Comunidades, e pelo Senhor Asger Pedersen Nyrup e Senhora Mariana Camilo, nas qualidades de Presidente do Conselho de Administração e Vice Presidente do Conselho de Administração da ADPP Guiné-Bissau respetivamente.

O Memorando ora assinado, visa engajar a ADPP GB, como parceiro de implementação de ´´Politicas e Programas de Promoção do Bem-estar e Desenvolvimento Comunitário, incluindo área das Migrações´´.

A SEC e a ADPP/GB acordam ainda em apoiar-se mutuamente no âmbito da mobilização e negociação de financiamentos para os Projetos e/ou Ações consideradas úteis pelas duas Partes, e a aceitam trabalhar em cooperação para prossecução dos objetivos acima mencionados e para efetiva implementação e eficiência dos Projetos e Ações definido conjuntamente.