A Humana participa na 48ª Conferência Mundial da União sobre a Saúde do Pulmão

A Humana People to People tem o prazer em anunciar a sua participação na 48ª Conferência Mundial da União sobre Saúde do Pulmão que tem lugar em Guadalajara México do dia 11 ao dia 14 de Outubro de 2017.

A conferência, organizada pela União sobre a Saúde do pulmão, é a maior reunião a nível mundial de intervenientes que trabalham para acabar com o sofrimento causado pelas doenças pulmonares, focalizando-se especialmente nos desafios que os países de baixo e médio rendimento enfrentam. O tema deste ano, “Acelerar no sentido de eliminar”, vai reunir 4,000 representantes de 100 países, e vai focar-se na agenda mundial sobre a doença pulmonar, assim como na eliminação da tuberculose e das co-infecções, melhorando o controlo do tabagismo e a redução da poluição atmosférica.

A abordagem da Humana a nível comunitário de consciencialização sobre a tuberculose, da identificação de caso e do apoio para tratamento tem vindo a inovar nos últimos anos. O programa, Total Controlo da Epidemia (TCE), adopta uma abordagem holística ao focalizar-se nos indivíduos e nas suas comunidades como sendo os protagonistas da sua própria saúde e do seu bem-estar. Está direcionado principalmente para o compromisso comunitário significativo no que diz respeito às principais doenças tais como a tuberculose, melhorando a consciencialização, o acesso aos serviços de saúde, e apoio para tratamentos bem-sucedidos. Actualmente, os parceiros da Humana estão a implementar 8 projectos TCTB em 11 países, no âmbito dos quais, mais de 16,000 pessoas foram rastreadas para a despistagem da tuberculose no ano passado.

Durante a conferência deste ano, as organizações membro da Humana partilharão a sua aprendizagem aprofundada baseada nas intervenções a nível comunitário para as populações-chave sobre a tuberculose , incluindo uma abordagem integrada em relação às co-infecções do VIH-TB. A tuberculose permanece uma das 10 maiores causas de mortalidade a nível mundial e é actualmente a principal causa de morte entre as pessoas que vivem com o VIH, o que destaca a necessidade de coordenar melhor os esforços por parte dos actores de modo a melhorar a identificação activa de caso, assim como o acesso a, e o fornecimento do tratamento, sobretudo nas comunidades em risco.

No evento, Olga Guerrero representará a Federação numa discussão de painel com o titulo: “O envolvimento significativo das comunidades na detecção de casos de tuberculose activa: Como é que o podemos aperfeiçoar?”; Sugata Mukhopadhyay apresentará “As estratégias da ADPP Moçambique para detectar e apoiar os casos índice (índex cases) de VIH e os respectivos contactos através de intervenções de base comunitárias de modo a proteger as PVVIH e lutar contra a tuberculose em Moçambique”; e a Anne Marie Moeller partilhará as experiências e as lições aprendidas pela HPP Índia com “A melhoria na detecção de casos activos em pessoas que vivem nas favelas de Delhi, Índia”

Se desejar mais informações sobre a Humana People to People e o nosso trabalho no que diz respeito à tuberculose a nível mundial, contacte Ib Hansen através do correio electrónico ib.hansen@humana.org. Também pode seguir a Humana no Twitter em @HumanaHPP. Para mais informações sobre a 48ª Conferência Mundial da União sobre a Saúde do Pulmão, consulte o sítio guadalajara.worldlunghealth.org